Vida Cristã

29/01/2018 | Pastores e Líderes de Jovens

Nenhum Comentário

Qual é a tentação mais comum para os líderes de jovens?

Ser um líder de jovens é uma experiência única. Trabalhar para desenvolver a espiritualidade dos jovens é algo encantador e motivante. Mas, toda profissão ou trabalho há espinhos, não é mesmo?! Quando falamos sobre ministério de jovens, esses espinhos podem aparecer na forma de baixo número de jovens, falta de ânimo na parte deles, desentendimentos com a liderança da igreja e também tentações.

“Tentações?”. Você pode estar se perguntando. Sim, há várias tentações que surgem para os líderes de jovens, não importando se você começou seu ministério agora ou se já está comandando por mais de uma década.


Hoje eu quero falar sobre aquela tentação que considero a mais perigosa de todas. A tentação do crescimento.

O perigo de querer as coisas rápidas

Todo líder de jovens quer ver seu ministério crescer. Isso é um fato. Ansiamos para quando nossos jovens irão entender o evangelho, compartilhá-lo com ousadia e trazer outros amigos. E é maravilhoso ver quando Deus começa a tomar conta desta parte em específico. Nós também temos a impressão errada que crescimento é uma amostra de que estamos no caminho certo e que estamos fazendo um bom trabalho. Quantas vezes você já não pensou que um ministério ou uma igreja deve ser bom ou correto porque eles estão crescendo muito rápido? Nós só esquecemos que tumores também crescem, e muitas vezes até rápido.

Sejamos justos. Nós queremos sim que o evangelho seja levado e que mais pessoas saibam sobre a obra redentora de Cristo, mas nosso ego também gosta de aprovação. Nascemos assim. E desde o momento em que começamos a olhar para os nossos pais e dizer: “Olha só o que eu fiz”, nós ansiamos por aprovação.

Mas, qual o perigo, ou a tentação, nisso?

LEIA TAMBÉM: O que fazer quando seu ministério não cresce?

Bom, o reino de Deus não é uma ciência exata. Veja bem: Se eu comprar um pacote de miojo no supermercado e seguir as instruções corretamente, eu farei miojo na minha casa. Se você comprar e seguir as instruções também irá conseguir o mesmo resultado. Isso é algo exato. O reino de Deus não funciona assim. Você pode fazer exatamente a mesma coisa que um ministério grande e bem sucedido e ainda assim não ter o mesmo resultado. Nós estamos debaixo da autoridade e da vontade de Cristo e com isso não há ciência que resista ou explique.

Além disso, quando queremos muito que nosso ministério cresça sem antes sabermos o tempo de Deus, corremos dois grandes riscos.

Pragmatismo – Fazer aquilo que outros estão fazendo só porque está dando certo, sem avaliar direito se está de acordo com a Palavra de Deus.

Entretenimento – Usar de meios carnais que provocam um inchaço quase que imediato no ministério.

Nós devemos lembrar que

Para tudo há uma ocasião, e um tempo para cada propósito debaixo do céu:

Eclesiastes 3:1

Solução?

O que devemos fazer para não cair nessa tentação?

Discipular aos poucos os jovens – Para que eles entendam e vivam o evangelho, se tornando cópias de Cristo fora da igreja e que amem a Deus com tudo o que eles têm e para que amem o próximo.

Confiar em Cristo e saber que nele temos tudo o que precisamos – Precisamos saber que glória nenhuma, aprovação nenhuma e nem nada que há nesse mundo pode se comparar com as riquezas que temos em Cristo Jesus. Nele temos tudo o que precisamos e nEle podemos descansar sabendo que tudo o que passamos, ministerialmente ou não, irá ser usado para aperfeiçoar a nossa fé e nos preparar para passarmos a eternidade ao seu lado.

 

LEIA MAIS: Passo a passo para criar uma série (ou uma mensagem) para os seus jovens

3 ótimas ideias de sermões para jovens


  • Lucíola Falcão

    Muito rico este artigo.Obrigada!

  • Cássio

    Boa noite, a todos desta edição;
    Desculpe, mas depois de ler este artigo, vim a me expressar pelo estudo que foi passado.
    Quando o namoro está te atrasando espiritualmente?
    Sobre esta pergunta, mesmo estando ambos focado, ainda existe a tentação de suas vontades carnais. então nem sempre o julgo é a causa. o que não pode esquecer em sempre tem no coração é o temor. Em um namoro o temor deve sempre ser cuidado. Esta é a maior causa de nossos jovens desistir do evangelho no momento do namoro.


Entre em contato